“Daquela dor só me restou a cicatriz”

Ciao,

Hoje vou falar de um projeto super bacana feito pela Gabriela Madeira. A Gabi, também tem um blog e uma página que visa apoiar e auxiliar as meninas e meninos com escoliose! Ela fez a cirurgia e como forma de mostrar o lado lindo dessa história, que muitas outras pessoa partilham, bolou camisetas super legais com a frase: “Daquela dor só me restou a cicatriz” as quais podem ser adquiridas pelo mercado livre.

Eu não fiz cirurgia, mas não podia deixar de apoiar essa iniciativa tão linda, assim como não poderia deixar de montar um look com colete né nonnn?! Hahah

Aquela combinação coringa de sempre: saia + blusa soltinha!

 

With love,

Tete

 

Anúncios

“Vista-se de si mesmo”

Ciao,

Look do dia no mood verão! Sim, essa estação apesar de ser a minha preferida, incomoda um pouco pois não é NADA fácil usar o colete quando faz 30ºC pra mais. Se sem o colete já é calor, imaginem tendo que usar uma blusa colada no seu corpo (usada pra não machucar a pele) e mais o colete… sim a gente sente muito calor. O segredo é optar pelas roupas mais leves possíveis.

Esse look do dia é meu xodó: O macacão é super fresquinho, portando não faz com que eu sinta mais calor ainda e o melhor: aparece meu colete {e sim, eu adoro quando isso acontece hehe}! Pra que ter vergonha né?! Vergonha de quê? Vergonha de quem? Esses dias li uma frase no Instagram que amei: “vista-se de você mesmo”, e é exatamente assim que penso, por isso que quando o colete aparece é como se eu estivesse colocando quem eu sou na roupa ❤
Seja feliz, seja você!

 

With love,

Tete

Sorvete

Ciao,

Verão combina com comida saudável e esse sorvete feito com um ingrediente só é o exemplo disso! Siiiim, juro que fica delicioso demais e você pode variar como quiser!

Ingrediente:
– banana congelada (a quantidade varia conforme a quantidade de pessoas, com 3 bananas eu consegui fazer 4 bolinhas)

Preparo:
Processe as bananas no liquidificador na velocidade baixa e vá desligando e misturando com uma colher sempre que necessário. Você pode adicionar cacau pra ficar um sorvete de chocolate por exemplo, ou adicionar morangos, etc. É só usar a criatividade! No meu caso adicionei à mistura meia dose de proteina vegana de cacau, uma pitada de canela em pó e meia colher de chá de extrato de baunilha! Quando a mistura ficar bem homogênea leve ao congelador por 2 horas ou até que fique bem firminho!

Ficou uma delicia!!

With love,

Tete

Helena Herdy

Ciao,

Preparados pra mais uma história exemplar de superação, aceitação e amor? A Helena escreveu com todo o carinho como foi/é a história dela com escoliose! Helena, já sou sua fã. Parabéns pelo exemplo e obrigada do fundo do coração por compartilhar essa trajetória. Com certeza ajudará muita gente ❤

“Me chamo Helena, tenho 14 anos
Em 2014 tive Púrpura de henoch shcolein e, na minha recuperação fiz uma ressonância e nela o técnico me disse que eu tinha um pequeno desvio na coluna.
O tempo passou, e, envolvida com o acompanhamento, Minha escoliose ia piorando. Em 2016 comecei a perceber que minha cintura estava assimétrica e sentir algumas dores na coluna. Procurei o médico, fiz um exame e foram constatados 18 graus. O médico disse que eu voltaria depois de um tempo e se tivesse com 21 ou 22 graus, usaria colete. O tempo passou e quando voltei estava com 35, porém ele disse que não havia mais nada a se fazer. Inconformadas, eu e minha mãe procuramos outro médico, esse me encaminhou para uma especialista em escoliose, que disse que eu deveria colocar o colete com urgência. Ela achou melhor eu usar o colete de milwaukee, que corrige cifose e escoliose, pois estava com alguns graus de cifose também. Mais tarde passarei para o colete apenas para corrigir escoliose. Usar colete não é fácil, devo admitir, no começo o colete incomoda demais, pra dormir é muito desconfortável. Tive que aceitar que as pessoas me olhariam diferente na rua, que eu não poderia fazer mais a coisa que eu mais gostava (dançar) , que eu teria que lidar com as pessoas me perguntando o tempo todo porque eu uso ” esse negócio no meu pescoço” , que as pessoas me definiriam como ” aquela menina que usa um negócio no pescoço” ou algo parecido, além de lidar com zoações de “amigos”. Na verdade, as vezes as pessoas julgam as outras sem saber exatamente pelo que elas passam. Nós devemos apenas aceitar e entender que o colete é a solução e não o problema.
Tudo tem um lado bom. Com o colete aprendi coisas que jamais imaginaria.
As vezes perco minha esperança e acho que não vai adiantar e nem melhorar, mas lembro que existem guerreixs que precisam ir diretamente pra cirurgia, enquanto eu tenho a oportunidade de usar colete. Agradeço muito a Deus por isso. Também agradeço por ter minha família, amigos e médicos me apoiando.
Hoje faço 1 mês com meu companheiro. Ter escoliose é um baita desafio que devemos encarar com muita paciência ( por mais difícil que seja).
É muito fácil nos entregarmos e ficarmos tristes e inconformados, basta escolhermos o modo mais difícil: nos levantarmos e erguermos a cabeça (no meu caso, literalmente! Hahah). Que todo nós guerreixs passamos nos ajudar e ter muita fé! Vai dar tudo certo”.

Fofa demais né?!

A escoliose entra na nossa vida pra nos ajudar a ver muitas coisas, uma delas é mostrar os verdadeiros amigos, as pessoas que SEMPRE nos apoiarão! Espero que a história da Helena tenha te inspirado tanto quanto me inspirou!

With love,

Tete